voltar para a página inicial

Segunda Instância

Wal Mart é condenado por queda de cliente 0

O chão do supermercado estava escorregadio em razão de uma substância líquida derramada no piso. Por causa do acidente, o autor da ação sofreu uma fratura do tornozelo direito e lesão ligamentar.

Ler mais

Claro terá que indenizar cliente por uso indevido de seu nome e número de celular 0

Isso porque a linha da qual seria supostamente titular, estava sendo utilizada para a prática desses dois crimes. Ele, no entanto, nunca contratou qualquer serviço com a empresa de telefonia.

Ler mais

Loja indenizará irmãos constrangidos por suposto furto de caneta 0

O relator observa que o constrangimento impingido aos menores foi o modo que a ré encontrou de “puni-los pelo suposto ato infracional”.

Ler mais

Município do Rio é condenado por bueiro sem tampa 0

André Luis Santos de Oliveira conta que, em dezembro de 2005, caiu em um bueiro sem tampa na Rua Andina Meira, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, tendo sofrido diversas lesões.

Ler mais

Banco Panamericano é condenado por desconto indevido 0

Manoel Costa, autor da ação, afirma que foi surpreendido com descontos mensais em seu contracheque referentes a um empréstimo consignado.

Ler mais

Acidente de consumo com suco Ades resulta em indenização 0

Cléo El Huaieh da Rosa conta que estava tomando um copo do suco Ades quando foi surpreendido por um objeto estranho em sua boca.

Ler mais