Justiça condena Promédica em R$10 Mil por danos morais

Justiça condena Promédica em R$10 Mil por danos morais
novembro 28 09:00 2011 Imprimir este Artigo
Publicidade

Teor da decisão:

0168332-05.2006.805.0001 – Ação Civil Coletiva

Autor(s): Evalda De Brito Goncalves, Marcelo Vergne Da Rocha

Advogado(s): Marcos Antonio Silva Dias, Milton Brandão Vergne

Reu(s): Promedica Protecao Medica A Empresas Ltda

Advogado(s): Igor Wiering Dunham

Sentença: […]
Assim, por tudo que acima foi exposto, e pelo que dos autos consta, JULGO PROCEDENTE a ação, para confirmar a tutela antecipada nos termos deferidos e determinar que a empresa ré arque com o valor total do internamento do autor na CLÍNICA BOM VIVER, bem como, ao pagamento a guisa de danos morais, em face da intensidades dos dissabores suportados pelo autor a quantia de R$ 10.000,00 (dez mil reais), devidamente corrigida da data do evento, acrescidos de juros da data da publicação desta. Condeno, ainda, os réus ao pagamento nas custas processuais e honorários advocatícios, que arbitro em 20% (vinte por cento) do valor da condenação, levando-se em conta o grau de zelo do profissional, o tempo exigido para o seu serviço e a complexidade da causa, nos termos do artigo 20 §3º do CPC.

P.R.I.

Salvador, 26/10/2011

Márcia Borges Faria
Juíza de Direito

Fonte: DJE TJBA

  Article "tagged" as:
  Categories:
ver mais artigos

Sobre o autor

Editor
Editor

Editor, Gerenciador de Conteúdo.

Ver mais artigos

Nenhum comentário!

Você pode ser o primeiro a iniciar uma conversa.

Adicionar um Comentário

Expresse aqui sua opinião comentando.