Encontro contempla a era de ouro do rádio

outubro 03 23:01 2011 Imprimir este Artigo
Publicidade

Com base nas carreiras dos violonistas Dilermando Reis, Garoto e Antônio Rago, evento analisa o “reinado” da Rádio Nacional do Rio

A televisão tornou-se tão onipresente na vida das pessoas que é difícil imaginar um mundo sem ela. Mas não é preciso recuar muito no tempo para nos depararmos com um cenário bastante diferente, inteiramente dominado por um outro eletrodoméstico, o rádio. Reinando absoluto nas décadas de 1930, 1940 e 1950, basicamente com noticiários, programas de auditório e novelas, ele é o tema do encontro “A era do rádio no Brasil”, que será realizado no Instituto de Artes (IA) da Unesp, Câmpus de São Paulo, no dia 4 de outubro. “A idéia central é analisar a inserção dos violonistas no rádio, numa época em que praticamente todas as atividades culturais dependiam dele”, diz o historiador Sérgio Estephan, pós-doutorando do IA.

Para resgatar as três décadas de “reinado” do rádio e refletir sobre os aspectos históricos e culturais advindos daí, Estephan, com pesquisa em fase de conclusão sobre o violão instrumental brasileiro no período, centrou seus estudos em torno de três nomes: Dilermando Reis (1916-1977), Garoto (1915-1955) e Antônio Rago (1915-2008). “Consegui, inclusive, fitas raras dos programas ‘Um milhão de melodias’ e ‘Nada além de 2 minutos’, ambas da Rádio Nacional do Rio de Janeiro”, afirma. “Foi um período fantástico, em que, para o bem ou para o mal, Assis Chateaubriand [1892-1968] construiu o seu império”.

Período rico e complexo

Para o debate deste período a um só tempo rico, complexo e polêmico, o evento reuniu estudiosos de diversas áreas. Com coordenação de Paulo Castagna, pesquisador de música brasileira e professor do IA, e mediação de Sérgio Estephan, o encontro contará, ainda, com as presenças de Antonio Rago Filho, historiador da PUC/São Paulo, e do jornalista Oscar D’Ambrosio, coordenador da Assessoria de Comunicação e Imprensa da Unesp. Haverá, também, um recital com a participação do violonista Marcus Toscano e de Nando Souza e o Grupo de Choro.

Com entrada gratuita, “A era do rádio no Brasil” será realizada, no dia 4 de outubro, a partir das 14h, no Teatro Maria de Lourdes Sekeff do Instituto de Artes da Unesp, à rua Dr. Bento Teobaldo Ferraz, 271, defronte ao Terminal Barra Funda do Metrô.

A era do rádio no Brasil

Dia: 4/10

Horário: às 14h

Local: Instituto de Artes – Teatro Maria de Lourdes Sekeff

Endereço: rua Dr. Bento Teobaldo Ferraz, 271, defronte ao Terminal Barra Funda do Metrô

Entrada gratuita

  Article "tagged" as:
  Categories:
ver mais artigos

Sobre o autor

Editor
Editor

Editor, Gerenciador de Conteúdo.

Ver mais artigos

Nenhum comentário!

Você pode ser o primeiro a iniciar uma conversa.

Adicionar um Comentário

Expresse aqui sua opinião comentando.