Ministério da Justiça

Delegados Federais não descartam paralisação nacional

DELEGADOS NÃO DESCARTAM PARALISAÇÃO NACIONAL E ENTREGA DE CHEFIAS CONTRA CORTES NO ORÇAMENTO DA PF

A categoria reclama da postura tímida do Ministério da Justiça e da Direção-Geral da PF na defesa da instituição

Nas últimas semanas, os Delegados Federais de todo o país entregaram documentos aos Superintendentes Regionais de cada estado e à Direção-Geral da Polícia Federal cobrando a defesa pública da instituição, sobretudo, contra os cortes no orçamento 2015.

A categoria argumenta que espera do Ministério da Justiça e da Direção-Geral da Polícia Federal a mesma postura institucional verificada no Supremo Tribunal Federal e na Advocacia Geral da União, quando promovem junto ao governo federal a defesa das reivindicações de interesse de seus órgãos e servidores públicos.

Não é razoável que o peso de eventuais cortes no orçamento público recaia de forma desigual e injusta sobre algumas carreiras e órgãos do Poder Executivo. Para os Delegados Federais investir na Polícia Federal é ajudar o país no equilíbrio das contas, pois é investir no combate ao desvio de recursos públicos.

O corte orçamentário de 70 bilhões de reais prevê atrasar ou não executar, por falta de receita suficiente, parte da programação prevista na Lei Orçamentária de 2015, o que prejudicará as atividades da Polícia Federal, inclusive de investigações e operações policiais.

Os Delegados de Polícia Federal não descartam paralisação nacional para alertar sobre os riscos dos cortes no orçamento da Polícia Federal, além da possibilidade da entrega de chefias nas diversas unidades da Polícia Federal nos estados como forma de demonstrar a insatisfação da classe com a postura tímida do Ministério da Justiça, da Direção-Geral e dos Superintendentes Regionais em defesa de melhores condições de trabalho na Polícia Federal.

A ADPF consultará os associados por intermédio de assembleias nos respectivos estados e vai deliberar a respeito do calendário de mobilização da categoria no próximo dia 28 de maio.

Comentar

You must be logged in to post a comment Login

Comentar

destaque

To Top