Geral

Agência CNJ de Notícias é premiada no Conbrascom 2011

O Direito Legal gostaria de acrescentar que não só as instituições judiciárias citadas no Conbrascom seria injustiça negar que os Tribunais de SC, DF, RN, CE, RJ, TST, STF e STJ têm disponibilizado com freqüência e regularidade em seus web sites, para o público em geral, além de suas informações institucionais, há que se registrar, a relevante contribuição na publicação das decisões de seus magistrados, que muito tem contribuído para a informação de leigos, estudantes e operadores de Direito em geral e que são conteúdo diário da imprensa especializada

A Agência CNJ de Notícias ficou com o terceiro lugar na categoria relacionamento com a mídia do VII Conbrascom – Congresso Brasileiro de Comunicação da Justiça. O prêmio é entregue anualmente com o objetivo de estimular o desenvolvimento no Judiciário de uma política de comunicação voltada para esclarecer o cidadão, contribuindo para a democratização das instituições e o acesso à Justiça.

Os vencedores foram divulgados na última semana durante o evento que reuniu, no Rio de Janeiro (RJ), assessores de comunicação do Poder Judiciário, Ministério Público, Defensorias e Tribunais de Contas. Na categoria relacionamento com a mídia, os Tribunais de Justiça de Rondônia e do Distrito Federal e Territórios ficaram, respectivamente, com a primeira e a segunda colocação.

A Agência CNJ disponibiliza no portal www.cnj.jus.br notícias diárias sobre o Conselho e os tribunais, as quais também servem de pauta para emissoras de rádio e televisão. Nos últimos 12 meses foram publicadas 2.327 matérias no Portal, dando visibilidade às ações do Conselho e do Judiciário.

Nesse mesmo período, como resultado do trabalho da Agência, foram publicadas na mídia 37.491 matérias sobre os programas desenvolvidos pelo CNJ. Só em 2010, 26.569 matérias em veículos impressos e sites citaram o Conselho Nacional de Justiça e 2.657 reportagens foram veiculadas em emissoras de TV, falando sobre a atuação do CNJ.

Clique aqui para ver os ganhadores do Conbrascom 2011.

Mariana Braga
Agência CNJ de Notícias

 

Comentar

You must be logged in to post a comment Login

Comentar

destaque

To Top