Geral

DPU ganha prêmio ao defender portadores de hanseníase no Maranhão

A Defensoria Pública da União conquistou o Prêmio Innovare 2012, na categoria Defensoria Pública. “Mesmo com uma estrutura reduzida, quando comparada aos demais órgãos da justiça brasileira, conseguimos uma posição de destaque. Prêmios como este mostram que a alta corte da justiça brasileira está reconhecendo o trabalho da Defensoria Pública da União”, comemora Gabriel Faria de Oliveira, presidente da Associação Nacional dos Defensores Públicos Federais (Anadef).

ANADEF destaca importância do trabalho desenvolvido pelos defensores públicos federais em todo o país

A Defensoria Pública da União conquistou o Prêmio Innovare 2012, na categoria Defensoria Pública.  “Mesmo com uma estrutura reduzida, quando comparada aos demais órgãos da justiça brasileira, conseguimos uma posição de destaque. Prêmios como este mostram que a alta corte da justiça brasileira está reconhecendo o trabalho da Defensoria Pública da União”, comemora Gabriel Faria de Oliveira, presidente da Associação Nacional dos Defensores Públicos Federais (Anadef).

O case vencedor conta o trabalho realizado pela Defensoria Pública da União no Maranhão em prol de mais de 100 pessoas que recebem tratamento de hanseníase na Colônia do Bonfim. A DPU começou a atuar no caso em 2009, quando recebeu os primeiros pedidos de assistência. “Muitos já tinham entrado com processos administrativos que estavam parados desde 2007. Há quatro anos, começamos a reunir a documentação para entrar com os pedidos de pensão especial, via processo administrativo ou judicial, além outros benefícios”, explica o Defensor Público Chefe da DPU no Maranhão o Gioliano Antunes Damasceno.

Paralelamente aos pedidos de pensão especial, a DPU conseguiu, por meio da assistência jurídica, bens e serviços, como tratamentos médicos, medicamentos, órteses, próteses e obras de melhoria da acessibilidade no Hospital Aquiles Lisboa, situado na Colônia do Bonfim.

O trabalho de divulgação da Defensoria Pública da União é uma constante. “Grande parte dos brasileiros, sequer sabe que podem ter seus direitos representados na Justiça pelo Defensor Público Federal. A demanda popular é o melhor meio para alcançarmos o crescimento necessário à instituição que hoje sofre com falta de profissionais e mais unidades em todo país”, ressalta Gabriel. O Maranhão conta apenas com oito defensores públicos federais para atender todas as demandas do estado.

Categoria: Defensoria Pública
Prática vencedora: Assistência a atingidos pela hanseníase no Maranhão
Defensores Públicos da União
Yuri Michael Pereira Costa
Gioliano Antunes Damasceno
Marcos José Brito Ribeiro

Comentar

You must be logged in to post a comment Login

Comentar

destaque

To Top