Manchetes

Reportagens sobre fraudes trabalhistas podem ganhar prêmio R$ 45 mil

Reportagens sobre fraudes trabalhistas podem ganhar prêmio R$ 45 mil

Premiação para jornalistas chega a R$ 360 mil

As inscrições para o Prêmio MPT de Jornalismo vão até o dia 31 de julho. Podem ser inscritas matérias, reportagens e fotografias jornalísticas que abordarem temas relacionados ao trabalho, publicadas entre 1o de janeiro de 2013 e a 31 de julho de 2014. São oito categorias e a premiação total é de R$ 360 mil. A ideia do prêmio é destacar reportagens em todas as mídias que retratarem investigações e denúncias de irregularidades trabalhistas, além de casos de sucesso no combate às fraudes nas relações de trabalho, ao trabalho escravo, infantil, à discriminação, ao meio ambiente de trabalho, à liberdade sindical, ao trabalho portuário e aquaviário e às irregularidades trabalhistas na Administração Pública.

Podem concorrer materiais de oito categorias: jornal impresso, revista impressa, radiojornalismo, telejornalismo, webjornalismo, fotojornalismo, mídias sociais e repórter cinematográfico. Na fase regional, os vencedores de cada categoria receberão R$ 5 mil. Na etapa nacional, o valor é de R$ 10 mil para a Menção Honrosa de Repórter Cinematográfico e R$ 15 mil para as demais categorias. Um prêmio especial de R$ 45 mil destacará matérias e reportagens sobre “Fraudes Trabalhistas”.

Para inscrever-se, basta acessar o site do prêmio – www.premiomptdejornalismo.com.br -, preencher seus dados e fazer o upload do material. Cada participante poderá concorrer com até três trabalhos. Os profissionais deverão ter registro profissional do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Apenas os candidatos das categorias webjornalismo e mídias sociais não precisam apresentar o registro.

 

 

Comentar

You must be logged in to post a comment Login

Comentar

destaque

To Top