Prevenção como meio de evitar as drogas no território escolar

Exemplificadamente, a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal, a pedido, elaborou um estudo revelando que, de janeiro a julho de 2012, cresceu 13% a quantidade de ocorrências relacionadas ao uso de substâncias ilícitas em um raio de até 100 metros das 1.095 unidades educacionais distribuídas na capital brasileira. Nesse ano, a polícia local flagrou 661 pessoas consumindo maconha, cocaína ou crack nos arredores ou dentro de escolas. São seis casos por dia letivo – devido à greve, de janeiro a julho foram 105 dias com aulas-, sem contar com o consumo que passa despercebido das autoridades.

Ler mais

O princípio da reserva do possível

Não há à disposição da população brasileira o mínimo essencial em termos de serviços públicos, isto é, não há escola suficiente e de nível adequado, a saúde talvez seja o pior serviço, é um circo de horrores em todo o Brasil e a segurança é uma utopia nas grandes cidades e uma quimera nas de menor porte.

Ler mais

Alerta sobre a compra de material escolar e sobre abusos na lista de material

Existe uma portaria do Ministério da Educação e Cultura (MEC) que proíbe a solicitação por parte das escolas de materiais de uso coletivo, material de higiene – incluindo papel higiênico, material de limpeza – ou taxas para suprir despesas com água, luz e telefone, pois todos estes custos já estão incluídos no cálculo da mensalidade.

Ler mais